“A Igreja caminha com vocês e os convida a viverem o Evangelho”, disse Bento XVI aos Ciganos europeus

“A consciência européia não pode esquecer tanta dor. Nunca mais o seu povo seja objeto de opressão, de rejeição e de desprezo! Por sua vez, busquem sempre a justiça, a legalidade, a reconciliação, e se esforçam para não ser causa de sofrimento aos outros. Hoje, graças a Deus, a situação está mudando: novas oportunidades se abrem diante de vocês, enquanto adquirem uma nova consciência. Com o passar dos anos vocês criaram uma cultura de expressões significativas, como a música e o canto, que enriqueceram a Europa. E uma constatação: muitas etnias não são mais nômades, mas procuram estabilidade com novas expectativas diante da vida. A Igreja caminha com vocês! E os convida a viverem segundo as exigências do Evangelho, confiando na força de Cristo em direção de um futuro melhor”.

Essas foram algumas palavras do papa Bento XVI aos ciganos de toda Europa, que participaram de uma peregrinação, promovida pelo Pontifício Conselho para a Pastoral dos Migrantes e Itinerantes, que aconteceu em Roma, nos dias 11 e 12.

O momento central da peregrinação foi o encontro com o Santo Padre, na sala Paulo VI. Enquanto aguardavam o papa, os ciganos cantavam e dançavam.

Falando na língua Cigana, o papa disse estar agradecido pela visita e por manifestarem a sua fé e o seu amor pela Igreja e pelo papa.

No final da audiência o papa cumprimentou vários participantes, entre eles os pais de quatro crianças que morreram, no dia 7 de fevereiro deste ano, durante um incêndio em um acampamento Cigano, nos arredores de Roma.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This