Arcebispo de Brasília afirma que Ano da Fé é ocasião de renovado encontro com Jesus

“O Ano da Fé quer contribuir para uma renovada conversão, vivência e para uma redescoberta da fé”. A afirmação é do arcebispo de Brasília (DF), dom Sérgio da Rocha, que é presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Doutrina da Fé, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Ele falou na tarde de hoje, 20, durante a terceira entrevista coletiva de imprensa da 50ª Assembleia Geral.

Participaram da coletiva o arcebispo do Rio de Janeiro (RJ), dom Orani João Tempesta, e o bispo de Barra do Piraí/Volta Redonda (RJ), dom Francesco Biasin.

Dom Sérgio explicou que esta é uma convocação do papa Bento XVI, que terá início no dia 11 de outubro deste ano e se concluirá em 24 de novembro de 2013, ocasião da Festa de Cristo Rei.

“Convocado com a Carta Apostólica ‘Porta fidei’, o Ano da Fé representa uma grande ocasião de renovado encontro com Jesus Cristo”, afirmou. O arcebispo acrescentou que celebrar os 20 anos do catecismo da Igreja Católica e o Sínodo dos Bispos servem de motivação para a realização do Ano da Fé.

“O início do Ano da fé coincide com dois importantes aniversários: o 50º ano da abertura do Concílio Vaticano II e o 20º da promulgação do Catecismo da Igreja Católica”, destacou dom Sérgio. Ele mencionou ainda que com o Ano da Fé, o papa Bento XVI quer colocar no centro da atenção da Igreja a vivência e a beleza da fé.

“O papa Bento XVI recomenda que a abertura do Ano da Fé seja realizado em todas as comunidades, paróquias e dioceses”, acrescentou.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This