Arquidiocese de Porto Velho promove 3ª Experiência Missionária

A arquidiocese de Porto Velho (RO) recebe, até o dia 25 de janeiro, cerca de 80 pessoas que participam da 3ª Experiência Missionária. As 52 comunidades da paróquia de São Francisco de Assis, na cidade de Ariquemes (RO), serão visitadas. A iniciativa tem como tema “Os seus olhos se abriram” (Lc 24,31), referindo-se aos discípulos de Emaús.

A experiência missionária teve início no dia 27 de dezembro com uma missa na catedral de Porto Velho. Após a celebração, os participantes dirigiram-se a Ariquemes, que fica a 265 quilômetros de distância da capital rondoniana.

Nesta terceira edição, participam cerca de 60 seminaristas, 10 religiosas e sete padres e jovens da arquidiocese de Porto Velho. Além dos missionários locais, também há representantes de outros nove estados brasileiros: Rio Grande do Sul, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia, Rio Grande do Norte, Ceará e Amazonas.

O arcebispo de Porto Velho (RO), dom Esmeraldo Barreto de Farias, comenta que o período da experiência missionária deve contribuir para a formação e fortalecimento do espírito missionário dos seminaristas, padres, religiosas e leigos, além do sentido de “evangelizadores com abertura para a Amazônia”.

“É fundamental prepararmos missionários que possam vivenciar o ministério ordenado, a vida religiosa consagrada, a vida como cristãos leigos(as) a partir de experiências concretas que marquem a vida deles e a nossa, pois são e precisam ser experiências fundadas no Evangelho e enraizadas na vida do povo de Deus”, disse o arcebispo.

As visitas às comunidades foram antecedidas por quatro dias de preparação. Os missionários dividiram-se em pequenos grupos que permanecem cinco dias em cada comunidade. As comunidades maiores receberão duas ou três equipes por 20 dias.

Nos dias 21 e 22, terá início a avaliação do período nas comunidades. De acordo com dom Esmeraldo, cada missionário “terá a oportunidade de contar o que viu, o que escutou, o que sentiu e como percebeu a presença de Jesus Cristo na vida das pessoas e famílias”. Também será partilhado o que mais impactou os participantes e “as luzes para a continuidade de sua formação inicial e permanente”. Na sequência, de 22 a 24 de janeiro, acontecerá o Retiro Final com a presença do assessor teológico do Conselho Indigenista Missionário (Cimi), padre Paulo Suess.

2014

No final de 2013, teve início a 2ª Experiência Missionária, realizada de 27 de dezembro a 26 de janeiro de 2014. Na ocasião, foram visitadas 43 comunidades da paróquia de São José, que abrange os municípios de Monte Negro (RO) e Campo Novo (RO). O lema proposto foi “Hoje eu devo ficar na tua casa” (Lc. 19,5).

 

 

 

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This