Peregrinação Estadual reúne seminaristas em Aparecida (SP)

Iniciativa foi promovida pela Organização dos Seminários e Institutos do Brasil (Osib)

O Santuário Nacional de Aparecida recebeu, neste sábado (22), a Peregrinação dos Seminaristas do regional Sul 1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que compreende as dioceses do estado de São Paulo. Mais de 700 seminaristas participaram da iniciativa promovida pela Organização dos Seminários e Institutos do Brasil (OSIB). 

As atividades da Peregrinação começaram com uma concentração na Tribuna Bento XVI onde seminaristas, juntamente com os padres formadores, receberam uma palavra de acolhimento por parte do bispo de Franca e referencial da Osib no regional, dom Paulo Beloto e do presidente da Organização, padre Leandro dos Santos, seguida de procissão até o interior do Santuário, que prosseguiu com a oração do Terço presidida por dom Paulo e organizada pelos seminaristas da diocese de Jundiaí (SP).

O momento central foi a celebração presidida pelo bispo diocesano de Osório (RS), dom Jaime Pedro Kohl e concelebrada pelo bispo de Franca (SP) e referencial da Osib do regional Sul 1, dom Paulo Beloto; pelo arcebispo de Ribeirão Preto, dom Moacir Silva e pelo bispo de Mogi das Cruzes e vice presidente do regional Sul 1, dom Pedro Luiz Stringhini. Também na ocasião estava visitando o santuário um bispo da África. A missa também foi concelebrada por dezenas de sacerdotes formadores de seminário.

Após a missa, na Capela São José, os seminaristas tiveram um encontro com o arcebispo de Aparecida, dom Orlando Brandes que dirigiu palavras de encorajamento aos seminaristas e fez uma reflexão sobre a imagem de Nossa Senhora Aparecida e o que ela tem a dizer aos futuros padres da Igreja. Após o encontro, o presidente da OSIB, padre Leandro dos Santos, agradeceu o apoio, empenho e dedicação dos padres formadores das dioceses presentes na peregrinação, aos bispos presentes e a toda a equipe da OSIB que pensou e colaborou para que o evento acontecesse.

Para o padre Leandro, a peregrinação foi muito válida. “Nosso objetivo era celebrar com os seminários do regional Sul 1 os 300 anos da aparição da Imagem de Nossa Senhora Aparecida. Acredito que nosso objetivo foi alcançado”. 

Já o bispo de Mogi das Cruzes (SP) e vice-presidente do regional Sul 1 da CNBB, dom Pedro Luiz Stringhini falou que o momento foi significativo na dimensão da vocação e ministério. “A romaria reforça a caminhada vocacional de nossos seminaristas, porque traz entusiasmo, e sobretudo também se coloca sob a proteção de nossa Senhora, isto fortalece nas comemorações dos 300 Anos de Nossa Aparecida e nos 100 Anos de Nossa de Senhora de Fátima. A peregrinação serviu de exemplo para outras comissões, dimensões, e de estimulo para outros momentos e eventos com os seminaristas de nosso regional”.

A peregrinação foi encerrada com a Consagração Solene a Nossa Senhora Aparecida. 

Com informações do regional Sul 1