Caminhada da Fraternidade atrai mais de 50 mil fiéis em Teresina

Uma multidão de fiéis acompanhou a 17º Caminhada da Fraternidade que reuniu mais de 50 mil, segundo cálculo da Polícia Militar do Piauí. Os caminhantes se concentraram logo pela manhã em frente à Igreja São Benedito neste domingo. Milhares de pessoas entre crianças, jovens, adultos e idosos assistiram à missa presidida pelo arcebispo de Teresina, dom Jacinto Furtado Brito, ao lado de dom Sérgio da Rocha e do padre Tony Batista.

Com o tema “Solidariedade e Saúde caminham juntas”, a caminhada atrai pessoas de dentro e fora de Teresina, como a aposentada Rita Monteiro da Silva, 64 anos, que viajou 50 km para participar do momento de fé. “É uma caminhada de amor e solidariedade, um grande um gesto ao nosso próximo”, analisou a Rita, que veio da comunidade Boqueirão dos Adolfos, na zona rural de José de Freitas.

Antes de dar início à caminhada, o padre Tony Batista orientou os fiéis para não jogarem lixo nas ruas e tomarem cuidado com os canteiros da avenida Frei Serafim. A XVII Caminhada da Fraternidade saiu da Igreja São Benedito às 8h40. Na saída, um helicóptero homenageou a multidão jogando pétalas de rosas.

Esta é a primeira vez que o arcebispo dom Jacinto Brito participa da Caminhada da Fraternidade. Ele classificou a multidão de fiéis como “um exército de voluntários a favor dos pobres e necessitados”.

A catadora de lixo Maria Araújo, 46 anos, moradora do bairro Tabuleta, acompanhou a Caminhada com um terço gigante nas mãos. Ela explicou que está pedindo proteção, principalmente para os jovens, na luta contra as drogas, além de amor, paz, esperança e saúde.

A caminhada foi finalizada às 10h15 e, segundo estimativa da Polícia Militar do Piauí, mais de 50 mil fiéis saíram da Igreja de São Benedito rumo ao balão da Universidade Federal do Piauí (UFPI) na XVII Caminhada da Fraternidade.

O padre Tony Batista classificou a Caminhada como “extraordinária” e disse que o momento superou as expectativas. “A data escolhida neste ano coincidiu com o Festival de Inverno de Pedro II e com um feriado prolongado e mesmo assim foi escandalosamente bela”, disse.

A Polícia Militar e o Strans (Superintendência de Transporte e Trânsito) bloquearam o acesso à avenida Universitária. No local está havendo apresentações musicais para fechar com chave de ouro a manifestação de fé.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This