Cardeal Orani Tempesta celebra na Romaria das Candeias no Ceará

“No caminho do romeiro, Juazeiro é porta da misericórdia” foi tema das festividades deste ano

“Padre Cícero preocupava-se com os mais pobres, especialmente os trabalhadores e as crianças. A essas estimulava a aprenderem algum bom ofício da época a fim de se tornarem, no campo financeiro, independentes e poderem ajudar a seus pais”, disse o arcebispo do Rio de Janeiro (RJ), cardeal Orani João Tempesta, durante missa, na Romaria de Nossa Senhora das Candeias, em Juazeiro do Norte (CE).

Milhares de peregrinos participaram da cerimônia, no dia 2, na Basílica Santuário de Nossa Senhora das Dores. A missa foi concelebrada pelo bispo diocesano, dom Fernando Pânico e marcou o encerramento do ciclo de romarias realizadas no Ceará, recordando a memória do fundador, padre Cícero. 

Este ano, a Romaria das Candeias ocorreu no período de 29 de janeiro a 02 de fevereiro, com o tema “No caminho do romeiro, Juazeiro é porta da misericórdia”.

A Festa de Nossa Senhora das Candeias reúne multidão de fiéis todos os anos. A procissão com velas é marco da atividade devocional à Mãe de Deus, organizada pela diocese de Crato (CE). A tradicional caminhada com luzes acontece pelas ruas das cidades, como um momento oracional que romeiros levam candeeiros e lamparinas. 

“Que as pessoas possam encontrar a luz que é Cristo, que ilumina a todo homem que vem a este mundo”, expressou dom Orani durante a procissão luminosa. 

CNBB com informações e fotos da arquidiocese do Rio de Janeiro. 

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This