Cimi rebate, na ONU, que as demarcações de terras indígenas estão avançando

Representação do Brasil no Conselho de Direitos Humanos havia citado dados incompletos sobre demarcações de terras indígenas. Em resposta, Cimi denunciou a paralisação das demarcações e Parecer 001/2017 da AGU. Veja a íntegra da matéria: https://www.cimi.org.br

Share This