Cobertura midiática da 55ª Assembleia Geral da CNBB

A mensagem do papa Francisco para o 51º Dia Mundial das Comunicações Sociais é inspiração para guiar a cobertura dos profissionais de imprensa durante a 55ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

O tema da mensagem do pontífice é “Não tenhas medo, que Eu estou contigo” (Is 43, 5) – Comunicar esperança e confiança, no nosso tempo. No texto, o pontífice refere-se a um ambiente midiático permeado pelo protagonismo do mal e propõe como contribuição “a busca dum estilo comunicador aberto e criativo”, capaz de evidenciar possíveis soluções, inspirando uma abordagem propositiva e responsável nas pessoas a quem se comunica a notícia.

“os assuntos relacionados à vida interna da Igreja não devem ser reduzidos a uma conversa doméstica, porque a Igreja abraça o mundo, abraça a realidade humana a existência humana”

P. Rafael

Aos profissionais que se dirigirem à Aparecida e àqueles que farão cobertura remota das redações, é apresentado o desafio de fazer chegar a todo o país os assuntos debatidos pelos bispos.

O assessor de imprensa da CNBB, padre Rafael Vieira Silva, considera as palavras usadas pelo Papa – abertura e criatividade – quase que “dois grandes holofotes”. Ele explica que os assuntos relacionados à vida interna da Igreja não devem ser reduzidos a uma conversa doméstica, “porque a Igreja abraça o mundo, abraça a realidade humana a existência humana”. Para Vieira, quando o profissional trata o assunto eclesial de forma fechada está se distanciando da vocação da Igreja de evangelizar, “levar essa palavra de salvação ao mundo”.

A criatividade deve ser aplicada na tradução da linguagem própria de quem vive internamente os discursos da Igreja para um público muito maior e até um público que nem tenha interesse pela Igreja, sustenta o assessor. “Então, na hora de fazer as notícias é preciso ter essas duas palavras do papa: abertura, quer dizer, não ficar ali fechadinho nos assuntos domésticos, e criatividade, dizer aquilo que é preciso ser dito de maneira que possa chegar a muitas pessoas”, conclui padre Rafael.

“Na hora de fazer as notícias é preciso ter essas duas palavras do papa: abertura, quer dizer, não ficar ali fechadinho nos assuntos domésticos, e criatividade, dizer aquilo que é preciso ser dito de maneira que possa chegar a muitas pessoas”

P. Rafael

Recursos para a Imprensa
A Assessoria de Imprensa da CNBB montou um Plano de Comunicação voltado para a oferta de elementos para a compreensão dos assuntos tratados pelo episcopado. Redes sociais, notícias contextualizadas sobre o tema central no site, momentos de encontro com bispos e entrevistas coletivas serão alguns dos serviços disponíveis para os jornalistas.

As equipes de imprensa contarão com uma sala no local da Assembleia com materiais de apoio para consulta; cinegrafistas poderão captar imagens do plenário em alguns momentos da Assembleia; acontecerão entrevistas coletivas diárias, exceto no final de semana; e serão promovidos meeting points com bispos sobre temáticas específicas.

Na web, outros serviços (link para a matéria do destaque 2): boletins diários (releases) com o resumo dos temas abordados no dia, fotos em alta resolução que poderão ser baixadas no Flickr da CNBB, além das transmissões ao vivo pelo Portal A12.

Acesse os materiais da Sala de Imprensa Virtual (hiperlink)
Credencie a equipe de imprensa (hiperlink)
Acesse o Guia dos Jornalistas (hiperlink)

Foto: Maurício Sant’ana/CNBB

Share This