CNBB

Sexta, Out 24th

Last updateSex, 24 Out 2014 2pm

Você está aqui: Home Comissões Episcopais Comissões Episcopais Caridade, Justiça e Paz Comissão da CNBB presta homenagens a dom Ladislau Biernaski

Comissões Episcopais

Comissão da CNBB presta homenagens a dom Ladislau Biernaski

A Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz, da CNBB, emitiu uma nota em homenagem a dom Ladislau Biernaski, que faleceu no último dia 13, em São José dos Pinhais (PR).

Leia abaixo a íntegra da nota assinada por dom Guilherme Werlang, presidente da Comissão da CNBB.

Homenagem a Dom Ladislau Biernaski, um Pastor e Profeta da justiça aos pobres

“Tanto bem lhe queríamos que desejávamos dar-lhes, não somente o evangelho de Deus, mas até a nossa própria vida” (1 Tes 2,8).

A Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, Justiça e Paz, vem, de público, prestar sua homenagem a D. Ladislau Biernaski, bispo diocesano de São Jose dos Pinhais. Em primeiro lugar, nossa palavra é de gratidão a Deus por ter presenteado à Igreja do Brasil com este pastor profeta marcado pela grandeza de espírito e firmeza de caráter.

D. Ladislau viveu e pensou a fé a partir dos ‘condenados da terra’ e, com eles, fez caminhos pouco frequentados pelos grandes deste mundo. Mas é nestes caminhos, percorridos por D. Ladislau que encontraremos o Senhor da Vida. Ele soube traduzir em gestos e palavras a Eucaristia celebrada com olhos abertos para enxergar os apelos de Deus presentes na vida dos pobres e seu clamor por justiça. Sua atuação enquanto bispo membro da Comissao das Pastorais Sociais e no Mutirão pela superação da miséria da fome, traduzia esta índole.

Nos últimos meses, na luta contra a enfermidade, soube transformar a dor em esperança, como durante toda sua vida o fez, junto aos camponeses que lutam em defesa da reforma agrária e da justiça no campo.

A vivência cristã e pastoral de D. Ladislau pode ser traduzida para nós como uma verdadeira encarnação, que continua na Igreja a Páscoa de Jesus de Cristo.

No silêncio de suas súplicas, seus gemidos de dor se uniram aos gritos de tantos sofredores, que, na fraqueza de seus corpos carregam as chagas de Cristo e a força da sua ressurreição.

Agradecemos a D. Ladislau que, pela sua experiência de vida sofrida e corajosa, simples e modesta, firme e decidida, coerente e perseverante, foi entre nós um “servo justo, que devolverá a muitos a justiça” (Is 53,11).

Que viva plenamente entre nós o testemunho de Dom Ladislau.

Os Bispos e assessores que prestam seu serviço pastoral na Comissão Episcopal para o Serviço da Caridade, Justiça e Paz, reafirmam seu compromisso eclesial de dar continuidade ao honroso trabalho de Dom Ladislau junto aos ‘condenados da terra’.

Dom Guilherme Antônio Werlang
Presidente da Comissão Episcopal para o Serviço da Caridade, Justiça e Paz

Congresso Eucarístico

Eleições 2014

Liturgia em Mutirão III