Congresso Estadual da RCC no Pará refletiu sobre a vivência do Espírito

Mais de mil pessoas das 14 dioceses e prelazias do regional Norte 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) participaram do X Congresso Estadual da Renovação Carismática Católica (RCC) do Pará. O evento, realizado entre os dias 24 e 26 de julho, na cidade de Tucuruí, diocese de Cametá (PA), refletiu sobre o tema “Se vivemos pelo Espírito, andemos de acordo com o Espírito” (Gl 5,25).

A diocese de Marabá (PA) foi representada no encontro por sua coordenação, grupos de oração e de missão. O Congresso contou ainda com a presença da coordenação nacional da RCC, da coordenação estadual e ainda de todos os coordenadores diocesanos da Renovação, bem como grupos de oração, pastorais e movimentos.

Antes do encontro, leigos e leigas em missão visitaram as famílias na cidade de Tucuruí, convocando o povo para o evento eclesial. O bispo de Cametá, dom Jesus Berdonces, presidiu a celebração eucarística que deu início ao evento, dia 24. No sábado a missa foi conduzida pelo bispo de Marabá, dom Vital Corbellini, e no domingo, o encerramento ficou à cargo do assessor da RCC Pará, padre Wesney.

Segundo dom Vital, o evento possibilitou a percepção da importância da RCC nos âmbitos local e comunitário, “pois ela trabalha com a oração, o encontro com Jesus Cristo, convocando as pessoas para a vida com o Senhor e com o próximo e também para os sacramentos”.

Para o bispo, “o encontro com Jesus é essencial para o discípulo, discípula, missionário, missionária no mundo de hoje. Se a vida com o Senhor Jesus ocorre, é preciso também a missão”. Dom Vital acrescenta que grupos de oração são convidados a realizarem a missão junto às comunidades, sobretudo as mais carentes. “É fundamental o trabalho missionário que os leigos e as leigas estão realizando. Se a Igreja valoriza os leigos e as leigas, nós devemos como pastores valorizar este movimento, que procura além da oração, fazer a missão na comunidade eclesial”, lembrou dom Vital.

Com informações da diocese de Marabá

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This