Consep destaca Plano Quadrienal no segundo dia de reunião

No segundo dia de reunião do Conselho Episcopal Pastoral (Consep), 15, vários temas entraram na pauta. O subsecretário adjunto de pastoral, padre Francisco de Assis Wloch, anunciou aos bispos que está em fase de conclusão o Plano Pastoral do Secretariado Geral para os próximos quatro anos.

O plano reúne os projetos de cada uma das 12 Comissões da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e está sendo elaborado desde agosto de 2011. A novidade é que, anteriormente, o Plano era traçado para dois anos e, a partir de agora, passa a ser quadrienal.

“O objetivo do plano é fazer com que as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE), aprovadas na Assembleia do ano passado, se concretizem por meio das Comissões Episcopais Pastorais”, disse o padre Francisco. A expectativa é de que o lançamento do plano seja no início do mês de março.

Outro tema que os bispos discutiram na manhã de hoje foi a inclusão de uma análise da conjuntura eclesial nas reuniões do Consep. A proposta foi aprovada e a Presidência da CNBB nomeará uma equipe que se encarregará deste serviço.

chiwhitakerconsep2012Na tarde de ontem, 14, o Consep recebeu a visita do ex-secretário executivo da Comissão Brasileira Justiça e Paz (CBJP), Francisco Whitaker, para falar sobre o tema: energia nuclear. “É uma aventura tecnológica que não se mostra segura”, disse Whitaker. Ele insistiu na necessidade da CNBB de acompanhar este tema devido à complexidade que o envolve.

A reunião termina amanhã, 16, com uma coletiva de imprensa às 11h30, na sede da Conferência. Atenderão aos jornalistas o presidente da CNBB, cardeal Raymundo Damesceno Assis; o vice-presidente, dom José Belisário da Silva, e o secretário geral, dom Leonardo Ulrich Steiner.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This