Doar sangue, partilhar vida

Dom Roberto Francisco Ferreria Paz
Bispo de Campos (RJ)

O dia 14 de junho homenageia o doador de sangue, pessoa voluntária que solidariamente se torna irmão da humanidade partilhando seu sangue. Participa da comunhão de corações, de almas generosas que entendem o significado do sangue para a vida e da sua necessidade premente em casos de acidentes ou conflitos armados.

Faz o bem de forma espontânea, sem importar-se a maioria das vezes de quem será o beneficiado por seu sangue, pensando apenas que é um irmão (ã) necessitado e precisa dela para viver. Impressiona uma tela de pintura no Japão, que mostra o rosto do homem que se pintou a si mesmo, usando como tinta e cor o seu próprio sangue.

Um artista estranho, pensamos, mas o doador pinta na tela da humanidade, o rosto de Cristo que nos salvou e resgatou com o seu Sangue. É edificante saber que tem gente que se doa a si mesma através de seu sangue, que sempre estão disponíveis para o paciente necessitado que, muitas vezes recuperado pela transfusão, se esquece que houve um doador.

Trata-se de uma corrente para o bem, da convivialidade mais pura e elevada, da compaixão samaritana de quem enxerga o irmão exânime e se prontifica a soerguê-lo com seu sangue. O crescimento de uma pessoa humana se mede não só em centímetros, mas na sua capacidade de dar e de dar-se, do seu amor incondicional por qualquer ser humano, por sua magnanimidade e empatia de ir sempre além de seu nariz e de seus problemas.

Já recebi sangue de outras pessoas, me alegrei muito porque pela existência destes doadores, o mundo fica mais belo, esperançoso, e cheio de luz, porque nos sentimos envolvidos pelo sangue fraterno destes amigos da vida, compartilhadores com as nossas misérias e feridas.

Embora existam vários grupos sanguíneos, sempre é bom lembrar que pela intenção espiritual de oferecê-lo, ele se converte em universal, pois nos une numa única família humana.  Que o Deus da vida nos torne doadores e irmanados com aqueles que precisam do nosso sangue. Deus seja louvado!

 

Share This