Festa de Nossa Senhora Aparecida é celebrada em Roma

O Dia de Nossa Senhora Aparecida também foi celebrado em Roma, na Itália. A festa, porém, foi celebrada no domingo, 10, e no dia 12, terça-feira. Cerca de 500 pessoas, entre italianos e latino-americanos se reuniram na Comunidade Santa Maria della Luce, para celebrar a Padroeira do Brasil, no domingo.

Uma missa e uma procissão celebram a Padroeira. A procissão saiu da Praça Navona, sede da Embaixada Brasileira, e cruzou várias ruas de Roma chamando a atenção dos turistas pelo modo alegre e colorido de se celebrar a Mãe de Jesus. Em uma das paradas o jovem sacerdote Mercedário padre Reginaldo Roberto Luis recordou o momento eleitoral em que vive o Brasil e pediu à mãe Aparecida que inspire o povo brasileiro.

Durante a missa, em sua homilia, padre Sérgio Geremia, superior geral dos Missionários Scalabrinianos recordou que Maria é a figura da mãe que percebe as necessidades dos filhos, “que intercede e mãe que recomenda e nos previne contra os dragões que querem devorar a vida”.

DSC02675GermanaNo fim da celebração, uma das fundadoras da comunidade, a leiga Maria Germana da Silva, recebeu das mãos do Embaixador brasileiro junto a Santa Sé, Luis Felipe de Seixas Corrêa, uma comenda de gratidão do papa Bento XVI pelos seus 25 anos de serviço à Comunidade Brasileira em Roma. Germana é uma mineira da cidade de Chalé que veio a Roma com uma família de diplomatas para ficar por três anos. Enfermeira de profissão, ela decidiu permanecer na cidade quando a família recebeu outro destino.

“No início, a comunidade funcionava no porão da Igreja da Madalena. Nós dizíamos que era missa com cheiro de mofo”, reiterou ela. Depois o Vicariato de Roma cedeu o belo espaço que possui agora à comunidade Latino-Americana. “Nossa Senhora Aparecida é a mãe de todos os brasileiros fora do Brasil e nos ajuda nos momentos de dificuldades”, comentou Germana, em tom emocionado pela homenagem recebida.

DSC02689PioBrasileiroNo dia 12 de outubro, a festa ocorreu no Colégio Pio Brasileiro, instituição responsável pela formação de um grande número de padres e bispos que trabalham atualmente no Brasil. Cerca de 300 pessoas, em sua maioria padres, religiosas e religiosos participaram da missa presidida pelo arcebispo de Manaus e vice-presidente da CNBB, dom Luis Soares Vieira. O arcebispo provocou risadas da Assembleia ao afirmar que gostaria de fazer um pedido um “pouco complicado” à mesma Nossa Senhora que participou do milagre de Cana. “Que o Brasil seja aquela nação que sempre aparece em nossos sonhos, sem violência, pobreza, injustiça e drogas”, disse.

O arcebispo de Aparecida, dom Raymundo Damasceno Assis, um dos concelebrantes, lamentou não ter estado em Aparecida. Dom Damasceno, que se encontra em Roma participando do Sínodo para as Igrejas Orientais, afirmou que o Pio Brasileiro é um pedacinho do Brasil em Roma. “Neste momento o meu coração se encontra entre os romeiros em Aparecida”, salientou. E disse que pede a Nossa Senhora para que o “Brasil continue a crescer em justiça, prosperidade e paz”. No final da celebração, o reitor do Colégio, padre João Roque Rohr convidou a todos para uma apresentação musical e uma confraternização.

Informações: Arlindo Pereira Dias, svd, Roma

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This