Fraternidade Capuchinha no Acre

A Província dos Freis Capuchinhos de São Paulo, no dia 10 de julho instalou a Fraternidade Missionária Nossa Senhora dos Anjos no Acre, composta pelos freis: José Longarez, Geraldo dos Santos, Gerson da Silva Mercês e Adalberto Pereira Saraiva.

A nova Fraternidade missionária faz parte da ação solidária dos Capuchinhos do Brasil com o Projeto “Missão da Igreja na Amazônia”. A Conferência dos Capuchinhos do Brasil (CCB), alguns anos vinha discernindo o como cooperar com este importante projeto eclesial. Conhecidas as necessidades da Igreja no Acre, particularmente da Diocese de Rio Branco, por unanimidade os Freis da Província Imaculada Conceição de São Paulo, na Assembléia de novembro do ano passado (2004), decidiram assumir a ação evangelizadora e missionária naquela Região, abrindo uma Fraternidade.

Frei Longarez, coordenador da nova missão capuchinha, expressa os sentimentos dos confrades: “que grande bênção servir nesta missão. Vamos para a missão confiantes na graça de viver  o Santo Evangelho como Regra de nossa vida na itinerância , na simplicidade e na alegria”. Amparados pelos elementos fundamentais da vocação franciscana, os capuchinhos paulistas tomaram a estrada rumo à missão no Acre. A exemplo dos discípulos de Jesus (Mt 10,11;Lc10,5), foram acolhidos pelas Fraternidades Capuchinhas ao longo do percurso: em Birigui, Campo Grande (MS), Cuiabá (MT), Comodoro (MT, Pimenta Bueno (RO) e Porto Velho (RO).

A Igreja Particular de Rio Branco acolheu a Fraternidade Capuchinha com a celebração eucarística presidida por Dom Joaquim Pertiñez Fernandes, na catedral, no dia 10 de julho, às 17:00 h, com a significativa presença e participação dos padres, religiosos e do povo de Deus. Os quatro Freis Capuchinhos foram acompanhados pelo Ministro Provincial Frei João Alves dos Santos e por outros 12 confrades da Província de São Paulo e por mais quatro freis da Vice-Província de São Francisco do Brasil Oeste.

A Fraternidade Capuchinha Nossa Senhora dos Anjos instalou-se na cidade de Plácidos de Castro, distante 60 km da capital Rio Branco. Desta cidade, os freis atenderão outros municípios na região.

A Conferência dos Capuchinhos do Brasil está discernindo outras presenças e atividades, de forma inter-provincial, em favor da Missão da Igreja na Amazônia. Os apelos da ação missionária se multiplicam e se faze ouvir de todos os Continentes. Hoje, as Províncias Capuchinhas do Brasil está cooperando na obra missionária em diversas partes do mundo, como em Santo Domingo e Haiti, México e Sul dos Estados Unidos, Cuba, América Central e África.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This