II Encontro da Rede Internacional da Vida Consagrada articula combate ao tráfico de pessoas

Evento ocorreu em Roma

O II encontro de coordenação da Rede Internacional da Vida Consagrada contra o tráfico de seres humanos, Talitha Kum, aconteceu em Roma. O evento terminou no dia 31 de janeiro e reuniu representantes dos cinco continentes. Do Brasil, a coordenadora da rede “Um Grito pela Vida”, irmã Eurides Alves de Oliveira, participou.

Em entrevista à rádio Vaticano, irmã Eurides, comentou sobre o objetivo da reunião em Roma. “É o segundo encontro internacional da Fundação Talitha Kum, que foi fundada em 2009.  Ele tem o objetivo de fortalecer a articulação das redes, de uma autoafirmação da identidade de Talitha Kum, entidade que catalisa e articula as redes locais e regionais no enfrentamento ao tráfico de pessoas”.

Já sobre o tráfico de pessoas, irmã Eurides afirmou que é um fenômeno que tem crescido e se multiplicado, inclusive aparecido com novas faces, por conta da mobilidade humana, como é o caso da migração. “Partilhamos um pouco também como cada rede trabalha, suas linhas de ação, suas estratégias. A ideia é que saiamos daqui com um plano estratégico para atuação de mais três anos enquanto Talitha Kum, a partir das experiências dos continentes”, concluiu.

Rede “Um Grito pela Vida”

Celebrando 10 anos de atuação, a rede “Um Grito pela Vida” tem como prioridade para 2016, segundo a irmã, continuar o intenso trabalho socioeducativo, sobretudo priorizando as juventudes. “No Brasil, temos visto que tem crescido muito a inserção da juventude nas rotas do tráfico, nas suas mais diversas expressões: trabalho escravo, exploração sexual, a questão do adolescente na mendicância (…), então uma das prioridades fortes é um trabalho socioeducativo com as juventudes, afirma.

Com informações da Rádio Vaticano

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This