Lideranças Guarani Kaiowá e Karipuna vão à ONU denunciar violência e violações de seus direitos

Entre os dias 24 e 28 de junho de 2019 lideranças indígenas dos povos Guarani Kaiowá (MS) e Karipuna (RO) e representantes do Conselho Indigenista Missionário (Cimi) irão participar da 41ª Sessão do Conselho de Direitos Humanos das Organizações das Nações Unidas (ONU) em Genebra, na Suíça. O objetivo é denunciar os permanentes processos de violência e violações de direitos aos quais os povos indígenas são submetidos no Brasil e que tem se agravado nos últimos anos.

Saiba mais aqui: https://cimi.org.br

Share This