Livro do Cefep destaca a “Opção pelos Pobres no Século XXI”

“A opção preferencial pelos pobres vem ganhando espaço privilegiado na Igreja Católica, e de modo especial, na América Latina. É um dos traços do rosto da nossa Igreja”, destacou o assessor político da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e  secretário executivo do Centro Nacional Fé e Política “Dom Helder Câmara” (Cefep), padre José Ernanne Pinheiro, na apresentação do livro “Opção Pelos Pobres no Século XXI”.

O livro, mais uma publicação do Cefep, foi lançado recentemente pela Editora Paulinas e organizado pelo professor de Sociologia da Religião da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas), Pedro A. Ribeiro de Oliveira, que faz parte do Cefep.

Nesta publicação, que reúne uma complilação de vários artigos, levanta o problema de definir-se o que significa hoje a categoria ‘pobre’. “Exceto nos casos extremos das grandes fortunas e da miséria, ricos e pobres, em geral, se consideram como de ‘classe média’. Só a abordagem pluridisciplinar, que reúne as Ciências Sociais, a Filosofia e a Teologia, para iluminar o tema a partir de diferentes enfoques”, diz um trecho do livro.

pedroribeiro“A opção preferencial pelos pobres já ganhou aceitação quase universal na Igreja Católica. Só mesmo setores conservadores a ponto de suspeitarem do Concílio Ecumênico de 1962-1965 colocam em dúvida sua pertinência teológica. Isso não significa, contudo, que haja consenso sobre sua interpretação mais correta, porque o conteúdo semântico da categoria pobre pode mudar, e de fato tem mudado, conforme o tempo e os lugares. Cabe, então, perguntar o que significa ser pobre neste início de século XXI”, disse o organizador Pedro Ribeiro.

O padre Ernanne destaca as palavras do papa Bento XVI a respeito da opção pelos pobres: “Não por acaso, o Santo Padre Bento XVI, em Aparecida, lhe atribuiu categoria cristológica: ‘A opção pelos pobres está implícita na fé cristológica naquele Deus que se fez pobre por nós, para nos enriquecer com sua pobreza”.

O livro pode ser comprado no site da Editora Paulinas, no endereço www.paulinas.org.br, e custa R$ 28,80.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This