Padres da diocese de Guaxupé são recebidos pela diocese Irmã de Bragança do Pará

No mês vocacional, a diocese de Guaxupé (MG) envia dois de seus padres para a diocese de Bragança do Pará (PA), situada na região amazônica. Trata-se do Projeto Igrejas Irmãs, organizado desde 1972 pela CNBB. No dia 1º de agosto, na cidade de Paragominas (PA), os padres Francisco Albertin Ferreira e Antônio Carlos Melo foram entregues por dom José Lanza Neto, durante celebração eucarística, à Pró-paróquia São José do Nagibão como primeiros frutos do trabalho missionário da diocese mineira. Até então Paragominas contava com apenas quatro padres para aproximadamente 100 mil habitantes.

Nos últimos dois anos, as dioceses de Guaxupé e Bragança começaram a firmar entre si laços de fraternidade. Em janeiro de 2009, padre Francisco Albertin, então pároco da paróquia São Paulo Apóstolo de Poços de Caldas (MG), foi conhecer Bragança. Padre Antônio Carlos Melo também sentiu o desejo de ajudar a diocese.

No início da celebração os padres receberam a provisão que os encarregava de cuidar do povo a eles confiado. O bispo de Bragança, dom Luís Ferrando, após o rito de posse disse que os padres já pertenciam ao povo. Em seguida, agradeceu o bispo de Guaxupé por conceder dois padres à região amazônica. “Agradeço a diocese de Guaxupé, na pessoa de dom José Lanza, por ter fé e coragem, doando-nos dois padres valiosos. É muita generosidade, é muita caridade, é muito amor para com o povo, para com a Igreja.” pesdioceseguaxupe2

O bispo pediu aos fiéis da pró-paróquia que se deixassem ser conduzidos por Deus através do serviço dos padres. “Espero que deixem os padres fazerem de vocês uma Igreja de Deus”. E acolheu os dois presbíteros incentivando-os à pertença em seu presbitério. “Não percam a presença de vocês no presbitério da Diocese de Guaxupé, mas, a partir de hoje, nós adquirimos vocês em nosso meio”, disse referindo-se aos demais padres da Diocese de Bragança que participavam da celebração.

Dom José Lanza, ao final da celebração, expressou sua alegria pelo passo missionário das dioceses. “Sou membro da comissão episcopal para a Missão Continental e agora realizo o sonho de uma Igreja mais missionária. Espero que os dois padres amem todas as pessoas, atendendo ao mandato de Jesus de ‘anunciar o Evangelho a toda criatura’. Estou também impressionado com o fervor do povo da diocese de Bragança.”

Os dois padres iniciam a segunda paróquia da cidade. O gesto representa o primeiro passo da diocese de Guaxupé dentro de seu projeto missionário. A cada dois anos, dois novos padres deverão assumir a responsabilidade.pesdioceseguaxupe3

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This