Papa nomeia seis padres sinodais para redigir documento do Sínodo

A 3ª Assembleia Extraordinária do Sínodo dos Bispos encerra no próximo domingo, 19. Para compor a equipe de redação final do documento de reflexão sobre os “Desafios Pastorais da Família”, o papa Francisco nomeou seis padres sinodais. O texto não será conclusivo, mas fará os encaminhamentos para o Sínodo de 2015. 

Entre eles estão o arcebispo argentino e reitor da Universidade Católica Argentina, dom Víctor Manuel Fernández, e o superior da Ordem dos Jesuítas, o espanhol padre Adolfo Nicolás.

Dom Fernández colaborou com o então cardeal Jorge Bergoglio, responsável na redação Documento do Episcopado Latino-americano em Aparecida, em 2007. Também irão integrar o grupo o presidente do Conselho Pontifício para a Cultura, cardeal Gianfranco Ravasi; o arcebispo de Washington, cardeal Donald W. Wuerl; o bispo Tlalneplanta no México e presidente do Conselho Episcopal Latino-Americano (Celam), dom Carlos Aguiar Retes, e o bispo de Cheju e presidente da Conferência Episcopal da Coreia, dom Peter Kang U-Il.

Os padres sinodais nomeados vão trabalhar com o relator-geral, cardeal Peter Erdo, o secretário geral, cardeal Lorenzo Baldisseri e o secretário especial, dom Bruno Forte.

Com informações e foto do News.va.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This