Pastoral Carcerária lança nova logomarca, site e uma rede social

A Pastoral Carcerária, com o objetivo de inaugurar uma nova fase de comunicação para a divulgação de seu trabalho e interação entre suas equipes, está lançando nesta semana nova logomarca, website e rede social.

A logomarca foi inspirada na essência e base dos serviços que a Pastoral presta aos presos do país, alinhada ao seu slogan: “Estive preso e vieste me visitar”. O processo de criação foi acompanhado e aprovado por agentes da Pastoral de todo o Brasil e a logomarca já começa a ser aplicada aos materiais de circulação interna e externa da Pastoral.

O site, disponível pelo endereço www.carceraria.org.br, traz todas as informações sobre a Pastoral Carcerária e oferece diversos conteúdos de apoio, como apostilas e vídeos, voltados não somente às equipes da Pastoral na prestação de assistência religiosa a presos e presas, mas também àqueles que se interessam por temas como direitos humanos e segurança pública. A principal novidade é um sistema de campanhas por meio do qual os visitantes podem participar de abaixo-assinados on-line e petições — a primeira lançada visa a alterar o Projeto de Lei 2442/2011, para dar independência ao Mecanismo Nacional de Prevenção à Tortura. O site está integrado às redes sociais Twitter e Facebook e todo o conteúdo pode ser compartilhado.

A Pastoral Carcerária também está lançando a rede social pcrn.org.br para integrar suas equipes regionais num ambiente colaborativo para a partilha de experiências. Nela é possível conectar-se, sem a necessidade de cadastro, com uma conta pessoal do Facebook, Twitter, Yahoo ou Google e as interações são automaticamente publicadas nessas redes. Os participantes recebem um perfil com blog, acesso multimídia (para vídeos e fotos) e podem interagir nos fóruns, grupos de estudo e chat ao vivo. A coordenação nacional está aos poucos motivando e organizando os participantes para que a rede social se torne sua principal forma de comunicação interna.

Todo o projeto foi desenvolvido com o suporte da empresa Minha Paróquia, que atua no desenvolvimento de tecnologias para a Igreja Católica, e foi coordenado pela assessoria de comunicação da Pastoral Carcerária.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This