Saiba quem serão os responsáveis por orientar a caminhada bíblico-catequética no país

A Comissão Episcopal Pastoral para Animação Bíblico-Catequética da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) tem a missão de animar, acompanhar, promover e orientar a caminhada Bíblico-Catequética no país.

Ela atua para promover tudo o que está ligado à evangelização no âmbito da difusão da Palavra de Deus e no campo do aprimoramento e do aprofundamento na busca de caminhos para a vida catequética em tempos culturais agitados e em processo de mudança tão grande.

Para este quadriênio (2019 a 2023), a Comissão conta com uma nova composição. São eles:

Presidente (reeleito na 57ª Assembleia Geral da CNBB):

  • Dom José Antônio Peruzzo      

Dom Peruzzo, que atualmente é o arcebispo de Curitiba (PR), tem como lema episcopal “Fazei discípulos… Ensinai”. Nascido em 19 de abril de 1960, na cidade de Cascavel, é mestre em Ciências Bíblicas pelo Pontifício Instituto Bíblico e doutor em Teologia Bíblica pela Pontifícia Universidade São Tomás de Aquino, ambas em Roma. Em 24 de agosto de 2005 foi nomeado, pelo Papa Bento XVI, como bispo de Palmas-Francisco Beltrão. Em 7 de janeiro de 2015 o Papa Francisco nomeou dom Peruzzo como arcebispo de Curitiba. A posse aconteceu no dia 19 de março do mesmo ano, na Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Luz dos Pinhais. Atualmente é o vice-presidente do regional Sul 2 da CNBB.

Bispos referenciais:

  • Dom Armando Bucciol

Dom Armando nasceu em Villanova de Motta de Livenza, na Itália, em 1946, e ordenou-se presbítero em 1971, na Itália. É formado em Teologia por Vittorio Veneto, pós-graduado em Ensino Religioso Catequético e cursou doutorado em Roma, tornando-se doutor em Sagrada Teologia com especialização em Liturgia Pastoral, no Instituto Liturgia Pastoral em Santa Justina, Padova. Em 2004 foi nomeado bispo de Livramento pelo papa Bento XVI. De 2001 a 2018 dom Armando conduziu a Comissão para a Liturgia da CNBB. Seu lema episcopal é “Charitas Christi urget nos!” – O amor de Cristo nos impulsiona.

  • Dom Waldemar Passini Dalbello

Dom Waldemar foi nomeado bispo auxiliar de Goiânia (GO) em 30 de dezembro de 2009 e ordenado em março de 2010. Já em 2011, foi nomeado pela Congregação para os Bispos como Administrador Apostólico da Arquidiocese de Brasília (DF) no período até a posse do arcebispo de Brasília, dom Sergio da Rocha, que ocorreu aos 6 de agosto de 2011. Foi nomeado bispo coadjutor de Luziânia em 3 de dezembro de 2014.

Nomeado pelo Conselho Episcopal Latino Americano (Celam) membro do Departamento de Missão e Espiritualidade, para o quadriênio 2015-2019, dom Waldemar representa a Região Cone Sul, que compreende, além do Brasil, o Uruguai, o Paraguai, a Argentina e o Chile. E na CNBB já serviu na Comissão para Ministérios Ordenados e Vida Consagrada de 2011 a 2015. Atualmente é presidente do regional Centro-Oeste da CNBB.

Assessor:

Pe. Jânison de Sá Santos – Propriá (SE)

Share This