Seminário Nacional de Campanhas prepara lideranças para a CFE 2016

Representantes dos regionais da Conferência Nacional dos Bispos (CNBB) e a Comissão encarregada pela Campanha da Fraternidade Ecumênica 2016 (CFE) participaram, de 10 a 12 de agosto, do Seminário Nacional de Campanhas, promovido pela CNBB por meio do assessor nacional de Campanhas, padre Luiz Carlos Dias.

O evento, realizado na Casa de Retiros Assunção, em Brasília (DF), contou com a participação de 35 pessoas, com 13 regionais da CNBB representados, além da equipe da CFE 2016, que é composta pela secretária geral do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (Conic), pastora Romi Bencke; reverendo Isaque de Goes Costa, da Igreja Presbiteriana Unida do Brasil; Zulmira Inês Gomes, da Igreja Síria Ortodoxa de Antioquia; reverenda Carmen Kawano, da Igreja Episcopal Anglicana; pastor Joel Zeferino, da Aliança Batista; e Armando Maurmann, da Igreja Evangélica de Confissão Luterana do Brasil.

Focados no tema da Campanha Ecumênica 2016, “Casa Comum, nossa responsabilidade”, que destaca o direito ao saneamento básico para todos, o encontro teve como objetivo preparar as lideranças sobre o assunto. Além dos trabalhos para a CFE 2016, a equipe avaliou a Campanha da Fraternidade 2015 e deu encaminhamentos à Campanha para a Evangelização 2016. Segundo padre Luiz Carlos, “este seminário é importante para o processo de condução das campanhas”.

Entre os palestrantes do evento esteve o presidente da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA), Henrique Pires, que abordou “O saneamento básico no Brasil e a saúde da população brasileira”. Henrique destacou a importância, oportunidade e relevância do tema, tendo em vista o desafio de levar saneamento às comunidades menos assistidas. Segundo ele, estudos do Programa das Nações Unidas pelo Desenvolvimento Sustentável – PNUD mostram a estreita relação entre pobreza e ausência ou acesso ao saneamento inadequado, em especial à água potável segura.

Também falaram aos presentes o presidente executivo da Trata Brasil, Édison Carlos, sobre “A questão do saneamento no Brasil e seus desafios”; e o superintendente de planejamento de recursos hídricos da Agência Nacional de Águas (ANA), Sérgio Rodrigues Ayrimoraes, acerca do “Saneamento básico e o meio ambiente no Brasil”.

Antes do encerramento, o padre Clair Favreto, da diocese de Erexim (RS), apresentou sua tese de doutorado que trabalhou a relação da Campanha da Fraternidade com a Quaresma, do ponto de vista litúrgico.

Escreva um Comentário

Ver todos os Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com a terceira pessoa. Campos obrigatórios marcados como * *

Share This