Formação Missionária: Centro Cultural Missionário dá início ao primeiro curso do ano de 2022

Teve início na terça-feira, 14 de fevereiro, de forma online, o curso de formação missionária, promovido pelo Centro Cultural Missionário, o CCM. A iniciativa segue até a próxima quinta-feira, 17, e conta com mais de cem pessoas inscritas.

Participam cristãos leigos em geral, agentes de pastoral, membros de grupos, pastorais e movimentos, participantes dos Conselhos Missionários e das Pontifícias Obras Missionárias (POM), seminaristas, consagrados, ministros ordenados, membros de Congregações religiosas, institutos, catequistas, líderes de comunidades e novas comunidades.

Padre Djalma, diretor do CCM

Ao iniciar o curso, o diretor do CCM, padre Djalma Antônio da Silva, desejou as boas-vindas a todos. E enfatizou a temática trabalhada no primeiro dia “A missão, paradigma de toda obra da Igreja. O porquê do Programa Missionário Nacional (2019-2021)”.

Na ocasião dom Odelir José Magri, presidente da Comissão para a Ação Missionária da CNBB, saudou a todos e enfatizou que o curso se realiza dentro do âmbito de datas celebrativas, como o Ano Jubilar Missionário, por exemplo. O bispo relembrou que se celebra a criação dos 50 anos do Conselho

Dom Odelir

Missionário Nacional, o Comina; os 50 anos das Campanhas Missionárias e também os 50 anos do projeto Igrejas-irmãs, entre outras iniciativas.

“Queria desejar que esse momento seja muito bonito, forte de informação no sentido de capacitação, de preparação também para a relação missionária, onde atuamos, mas também no enriquecimento pessoal e formação espiritual e missão e isso nos coloca na dinâmica de que toda experiência formativa na dinâmica missionária possa aquecer o coração e se o coração aquece, os pés se movem”, disse.

Com o propósito de oferecer aos participantes um bom conhecimento do Programa Missionário Nacional 2019-2023, além de uma reflexão aprofundada sobre seus conteúdos, o curso busca favorecer o crescimento da consciência missionária e motivá-los a serem agentes ativos no processo de conversão pastoral e na concretização desse Programa nos ambientes de sua atuação.

Ademais, busca contribuir para que a missão seja, de fato, parte integrante da vida do cristão católico e dos organismos eclesiais.

O curso conta com a assessoria de dom Esmeraldo Barreto, bispo de Araçuaí (MG); Aparecida Alves – Pedagoga, neuropsicopedagoga ; missionária leiga e membro do GT Formação;  padre Édipo Campos – Vigário paroquial da Paróquia São Benedito em Itajubá (MG); padre Jadson Barbosa e Silva – Pároco da Paroquia Nossa Senhora da Penha em São Luís do Maranhão e  padre Mauricio da Silva Jardim – Diretor das Pontifícias Obras Missionárias (POM).

Confira a programação completa (AQUI).

 

 

 

Tags:

leia também