Na manhã desta sexta-feira, os membros da presidência da CNBB, que foram recém-empossados, concederam entrevista coletiva à imprensa. Na ocasião, o arcebispo de Porto Alegre (RS) e presidente da CNBB, dom Jaime Spengler, saudou a todos os presentes e fez um resumo das atividades realizadas ao longo dos últimos dez dias
O bispo de Garanhuns (PE) e atual presidente do regional Nordeste 2 da CNBB ressaltou que compor o grupo da presidência é prestar um serviço aos irmãos bispos, às igrejas particulares, em espírito de colegialidade. “Partimos do critério da sinodalidade, de comungar, animar a vida, a missão as pastorais e esses serviços”, disse em última coletiva
O bispo de Rio Grande (RS) e novo secretário-geral da CNBB, dom Ricardo Hoepers, reforçou que a secretária geral é um serviço da CNBB à Igreja no Brasil e tem o papel, entre outros, de conduzir a gestão dos colaboradores, integrar o trabalho das 12 comissões e organismos e articular as iniciativas da entidade com os 19 regionais
Dom Jaime agradeceu à presidência que concluiu o mandato, da qual foi primeiro vice-presidente, ressaltando a oportunidade de aprendizado com os demais membros e o desejo de continuar desenvolvendo o que foi aprendido no quadriênio. Também agradeceu ao plenário pela confiança depositada: "Certamente é uma missão que nos desafia e muito"
Ao final da celebração, dom Jaime ainda compartilhou uma história de sua família. Ele recordou que sua mãe fazia doces para datas festivas e os guardava no alto de um armário. “Nesses dias, nós, as crianças, ficávamos insistindo - Oh, mãe, dá um doce! Hoje, pedimos à Mãe Aparecida - Oh, mãe, olha por estes seus filhos", pediu
O arcebispo de Brasília (DF), cardeal Paulo Cezar Costa, foi escolhido pela 60ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) como o representante brasileiro no Conselho Episcopal Latino Americano e Caribenho (Celam). A escolha foi feita na manhã desta quinta-feira, 27 de abril, nono dia do encontro do episcopado, em Aparecida

60ª AG CNBB